1

Captação de Pó em tombadores

Os tombadores rodoviários facilitam muito o descarregamento de cargas de grãos, representando um ganho de tempo muito grande e, por consequência, redução do custo operacional de recebimento nas moegas.

Tombador para descarregamento de grãos transporte rodoviário

A movimentação de materiais friáveis, invariavelmente resulta em geração de pó e grande quantidade de material particulado em suspensão. Como o volume de produto descarregado é grande (principalmente em carretas bitrem) e realizado em um espaço relativamente curto de tempo, ocorre uma geração intensa de poeira.

Esta poeira, via de regra, é constituída de matéria orgânica e terra seca. Este poluente não deve ser aspirado pelas vias aéreas dos colaboradores (e motoristas) que circulam e operacionalizam a descarga.

Para que se minimize o contato do pó com as pessoas, é importante que a poeira fique o mais confinada possível, evitando que se espalhe e contamine áreas adjacentes; deve ficar limitada à área da moega de recebimento, onde a mesma é de fato gerada.

Um confinamento adequado se dá através de uma cabine Eisele que enclausura toda a moega, com uma porta de fechamento rápido no lado de entrada do caminhão e um fechamento entorno da carreta no lado do tombador.

Cabine dupla com enclausuramento de 02 tombadores rodoviários

Além de confinar o pó, o mesmo deve ser aspirado e removido de dentro da cabine, uma vez que é constantemente gerado durante a descarga. Esta aspiração da cabine tem também um importante efeito secundário, o de manter o ambiente confinado em pressão negativa, não permitindo a evasão de poeira e material particulado.

A captação de pó dos sistemas Eisele se dão basicamente de duas maneiras, sobre a moega, junto às laterais captando o pó no momento de ascendência da moega para o ambiente; ou sob a moega, diretamente na sua geração, mantendo a moega em depressão e evitando a evasão do mesmo. Também é possível empregar as duas soluções associadas resultando em um sistema mais robusto e eficiente.

Há ainda alguns opcionais que podem tornar o sistema mais eficiente como flaps de supressão de pó na moega e acionamento do ventilador por meio de inversor de frequência.

Princípio de funcionamento da supressão de pó na moega

Detalhes como lay-out e operação devem ser levados em conta para um dimensionamento correto e determinação do modo de captação.

Os tombadores que comportam carretas bi-trem também deverão ser enclausurados até a segunda carreta, afim de confinar o pó gerado desde este ponto. Assim como o enclausuramento, o sistema de exaustão também será específico para tal condição.

Conceito básico do enclausuramento para tombador de carreta bi-trem

Uma vez captado, o pó deverá ficar retido no sistema, não podendo ser lançado para o ambiente externo, podendo inclusive ser reintegrado ao produto que está sendo recebido na moega.

Esta separação das fases pó / ar se dá em um filtro de mangas, com limpeza pneumática tipo pulse jet, que permite operação contínua do sistema através de um sistema automático e limpeza e descarga do pó.

Montagem de um filtro Eisele para tombador duplo

O filtro de mangas Eisele empregado neste processo apresenta características específicas para esta aplicação, como taxas de filtragem e velocidade de ascensão, garantindo emissões abaixo de 50 mg/Nm³ e operação contínua durante o processo de descarga dos grãos.

Da mesma forma, os ventiladores Eisele apresentam alto desempenho com o menor consumo de energia elétrica, resultando em excelente desempenho e baio nível de ruído, devido à exclusiva forma construtiva high-performance do rotor.

Todos os equipamentos fornecidos atendem às exigências da NR-12, além de toda documentação técnica pertinente e ARTs de projeto e instalação.

Alguns opcionais poderão ser incluídos como:

– Quadro elétrico integrado de acionamento do exaustor / filtro / descarga do filtro / porta de entrada do caminhão.

– Montagem mecânica e/ ou elétrica.

– Selos de explosão para o filtro, atendendo a norma NFPA 68 Edition 2018 – Standard on Explosion Protection by Deflagration Venting.

A Eisele utiliza apenas componentes de primeira linha, condizentes com a performance esperada do sistema como:

– Motores WEG IR3 Premium

– Motorredutores SEW

– Válvulas solenoides Ascoval

– Componentes elétricos WEG, Siemens ou ABB.

Tags: No tags

Add a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *